Quais são os efeitos colaterais do Abretia?

Quais os efeitos colaterais do remédio Abretia?

palpitação, visão borrada, vômito, dispepsia (indigestão), dor abdominal, flatulência (gases), quedas, sede, calafrios, diminuição ou aumento de peso, aumento da pressão sanguínea, diminuição do apetite, rigidez muscular, dor musculoesquelética, espasmo muscular (contração involuntária do músculo), distúrbio de atenção …

Quais os males que cloridrato de duloxetina pode causar?

Os principais efeitos colaterais, secundários ao uso de duloxetina são: xerostomia (sensação de boca seca), náusea, cefaleia, taquicardia, diarreia, vômito, sintomas dispépticos, hiporexia (diminuição do apetite), perda de peso, fadiga, risco aumentado de quedas, rigidez muscular, tontura, sonolência, tremor e visão …

Qual a função do medicamento Abretia?

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO? Abretia® é indicado para o tratamento da depressão. Abretia® é eficaz na manutenção da melhora clínica durante o tratamento contínuo, por até seis meses, em pacientes que apresentaram resposta ao tratamento inicial.

O que a duloxetina faz no cérebro?

A duloxetina funciona aumentando as quantidades de serotonina e noradrenalina, substâncias naturais no cérebro que ajudam a manter o equilíbrio mental e interrompem a transmissão dos sinais de dor no cérebro. A duloxetina pode ajudar a controlar seus sintomas, mas não irá curar sua patologia.

Qual o melhor horário para se tomar Abretia?

Abretia® deve ser administrado por via oral, independentemente das refeições. Não administrar mais que a quantidade total de Abretia® recomendada pelo médico para períodos de 24 horas.

O que não pode tomar com duloxetina?

O cloridrato de duloxetina não deve ser tomado por pacientes que estejam utilizando uma droga inibidora da monoaminoxidase (IMAO) como PARNATE® (sulfato de tranilcipromina) e AURORIX® (moclobemida) ou tiverem parado de tomar um IMAO nos últimos 14 dias.

O que acontece se eu parar de tomar duloxetina?

A abstinência pode surgir entre 24 e 72 horas após a interrupção do tratamento, apresentando efeitos como ansiedade, insônia, irritabilidade, explosões de choro, distúrbios de humor e sonhos vívidos, além de sintomas neurológicos e motores como tonturas, vertigens, cefaleia, falta de coordenação motora, alterações de …

Qual é o melhor horário para tomar Abretia?

Abretia® deve ser administrado por via oral, independentemente das refeições.

Quais são os benefícios da duloxetina?

O cloridrato de duloxetina é indicado para o tratamento de: – transtorno depressivo maior; – dor neuropática periférica diabética; – fibromialgia (FM) em pacientes com ou sem transtorno depressivo maior (TDM); – estados de dor crônica associados à dor lombar crônica; – estados de dor crônica associados à dor devido à …

Por que a duloxetina emagrece?

Venlafaxina e cloridrato de duloxetina não são causas frequentes de ganho de peso. Os medicamentos à base de difenidramina possuem um efeito sedativo que diminui o consumo de energia (metabolismo), e a queima de calorias, o que leva ao ganho de peso.

Como a duloxetina age na dor?

O medicamento exerce uma atividade inibidora da recaptação de serotonina e noradrenalina, ou seja, age normalizando as substâncias presentes no sistema nervo- so responsáveis pela percepção da dor.